Com seis atletas e ao som de Queen, bandeira brasileira é hasteada na Vila

Enviada por: Alexandre Portela
Data: 26/07/2012 20:36:56
Postado em: Queen Outros

Brasil participa de cerimônia ao lado de Qatar e Santa Lúcia

Em uma cerimônia esvaziada, com apenas seis atletas, a bandeira brasileira ganhou seu espaço na Vila Olímpica, e o Hino Nacional tocou pela primeira vez em Londres. A maioria dos 259 representantes do país nos Jogos, treinando, não pôde assistir ao show, encenado por um grupo de teatro e embalado por músicas do Queen. Qatar e Santa Lúcia também participaram da cerimônia desta segunda-feira, a quatro dias da abertura oficial das Olimpíadas.

Brasil na cerimônia de hasteamento da bandeira na Vila Olímpica de Londres (Foto: Gabriele Lomba / GLOBOESPORTE.COM)

O sempre discreto Rodrigo Pessoa puxava a fila dos seis atletas, que tiveram a companhia de membros da comissão técnica e do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Para estar ali, o cavaleiro precisou sair bem cedinho de Bruxelas, onde mora. Porta-bandeira na cerimônia de abertura, ele fez um bate-volta de trem para ver o hasteamento na Vila. As jogadoras de vôlei de praia Maria Elisa e Talita, a canoísta Ana Sátila, a pesista Jaqueline Ferreira e o arqueiro Daniel Xavier também participaram da cerimônia.

– Viemos direto da Áustria, então estou um pouco cansada ainda. Mas essa energia foi muito boa para trazer o que é a Olimpíada: mostrar o porquê de termos lutado para estar aqui e de querer estar no pódio ouvindo nosso hino também – disse Maria Elisa.

rodrigo pessoa olimpiadas londres 2012 (Foto: Gabriele Lomba/ GLOBOESPORTE.COM)

O show é de hora em hora e tem o mesmo roteiro para todas as 204 delegações. O National Youth Theatre, companhia que tem o príncipe Edward como patrono, interpreta três canções do Queen. Os atletas entram em cena ao som de “Bicycle Ride” e se posicionam em frente a um pequeno palco. O diretor cultural do Comitê Olímpico Inglês, Tony Hall, – substituindo o prefeito da Vila – e uma atriz interpretando a personagem “Rainha da Cerimônia” dão as boas-vindas, escuta-se o hino olímpico, os nacionais e “We are the champions”.

Bernard Razman, chefe de missão, foi o escolhido para subir ao palco e, depois, assinou uma das esculturas de vidro em frente aos mastros. Ao fim dos Jogos, elas terão assinaturas de representantes de todos os países.

No encerramento, os atores convidaram os atletas para entrar no ritmo de Londres. Maria Elisa dançou; Adriana Behar, que está em Londres como chefe de equipes, também. Rodrigo Pessoa deixou um pouco da timidez de lado: cantou e bateu palmas.

– É uma grande emoção para mim. É minha sexta Olimpíada. Todas são diferentes, mas esta vai ser ainda mais, pela função honrosa de carregar a bandeira na frente dos nossos atletas – disse Pessoa.

Bernard na cerimônia da bandeira na Vila (Foto: Gabriele Lomba / Globoesporte.com)

 

Dica via twitter de: Gustavo M. Chagas (@GusMChagas)





Deixe um comentário: