Presidente do Steaua, que proibiu Queen em estadios, é acusado de sequestro

Gigi Becali é considerado um dos homens mais controversos da Romênia

Acusado de sequestrar três homens que teria roubado seu carro, o presidente do Steaua Bucareste, Gigi Becali, tem o seu escritório na capital romena investigado por policiais.

O dirigente, que prestou um depoimento de cinco horas na última quarta-feira, é considerado um dos homens mais controversos da Romênia. Entre várias atitudes, Gigi proibiu que músicas do grupo Queen fossem tocadas no estádio do Steaua, além de sempre estar envolvido em escândalos de corrupção no país.

http://globoesporte.globo.com

Outras notícias

There are 3 comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.