Morre Bert Weedon, o Mr Guitar, que inspirou uma geração de músicos

Enviada por: Alexandre Portela
Data: 20/04/2012 17:07:32
Postado em: Queen Outros

Brian o chamou de “lenda” e lhe agradeceu por “espalhar seu conhecimento com guitarra e seu entusiasmo com todos”.

Brian May e Bert Weedon (ao centro)

Brian May e Bert Weedon (ao centro)

O guitarrista britânico Bert Weedon, que inspirou uma geração de músicos – incluindo alguns dos guitarristas mais famosos do mundo – a iniciar a prática com o instrumento, morreu aos 91 anos nesta sexta-feira.

Conhecido como “Mr. Guitar”, Weedon, cuja série de livros manuais Jogue em um Dia vendeu milhões de cópias, era um músico de estúdio, que acompanhou astros como Frank Sinatra.

Os Beatles George Harrison, John Lennon e Paul McCartney, assim como Eric Clapton, o guitarrista do Queen Brian May e Pete Townshend, do The Who, estão entre os guitarristas famosso que deram os primeiros passos com o instrumento graças aos livros de Weedon. A banda The Shadows chegou a dedicar uma música a ele.

John Adrian, um amigo de Weedon, disse que o músico morreu em casa, em Beaconsfield, oeste de Londres.

Weedon nasceu na zona leste de Londres e aos 12 anos convenceu o pai a comprar uma guitarra antiga de um vendedor ambulante.

Ele começou sua trajetória nas ′big bands`, antes de partir para a carreira solo, que incluíram sucessos como Guitar Boogie Shuffle e Nashville Boogie.

A chegada do rock n` roll deu a Weedon um novo papel, como grande músico de estúdio, que tocou com estrelas como Sinatra, Tony Bennett, Nat King Cole, Judy Garland, Rosemary Clooney e Cliff Richard.

O primeiro livro da série Play In A Day foi publicado em 1957.

Clapton declarou uma vez que nunca havia encontrado um guitarrista que não tivesse aprendido a partir dos livros.

Weedon era casado e tinha dois filhos.

 

Fonte: www.pernambuco.com





Deixe um comentário: