Cantores que assumiram ser gays quebram barreiras do preconceito

Enviada por: Alexandre Portela
Data: 09/06/2012 17:09:36
Postado em: Queen Outros

Por Carlos Aros

Amanhã a Avenida Paulista será palco da 16ª edição da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, uma manifestação cujo objetivo é combater o preconceito e a discriminação. Por isso, a Jovem Pan Online decidiu montar a lista abaixo, com alguns cantores e cantoras que assumiram a homossexualidade e conseguiram quebrar as barreiras do preconceito com sua música.

Elton John

O cantor, compositor e pianista Elton John encabeça a

lista. Com mais de quatro décadas de carreira, o inglês lançou clássicos como Nikita, Rocket Man e Your Song (veja aqui), esta última música foi seu primeiro grande sucesso e após seu lançamento, em 1970, Elton John estourou.

Desde 1993 Elton John vive com David Furnish, mas só em 2005 puderam oficializar a união. O cantor falou, em entrevista à revista Rolling Stone, sobre sua homossexualidade, e declarou: “Eu provavelmente sou o homossexual mais famoso do mundo, e adoro esse fato.”

O casal tem um filho, Zachary, cuja madrinha é a cantora Lady Gaga, que assumiu ser bissexual recentemente, de quem os dois são muito amigos.

Ricky Martin

O cantor porto-riquenho Ricky Martin começou sua carreira artística aos cincos anos, atuando em comerciais, como modelo infantil e cantando no coro da igreja. Mas o sucesso só veio alguns anos depois, em 1984, quando entrou para o grupo Menudos.
Ricky Martin deixou o grupo para investir em sua carreira solo como cantor e como ator. Ele alcançou o sucesso com Maria (veja aqui), hit de seu terceiro CD.

Em 2010, divulgou uma carta em seu site oficial afirmando ser homossexual, logo depois da revelação, o cantor lançou um livro, intitulado Eu, em que conta sua história.

Cássia Eller

O repertório de Cássia Eller era tão eclético que fica difícil dizer que ela era uma cantora de rock. Ela não era só isso, afinal, interpretava clássicos dos Beatles e de outros nomes do rock nacional e internacional, mas também incluía Chico Buarque e Caetano Veloso em suas apresentações.

Cássia era homossexual assumida e junto com Maria Eugênia Vieira Martins criou o filho Francisco. No auge de sua carreira, aos 39 anos, Cássia faleceu em decorrência de um infarto. A música pela qual é até hoje lembrada e que marcou sua carreira é Malandragem (aqui)

Freddie Mercury

Considerado pelos críticos e pelo público um dos melhores cantores de todos os tempos, Freddie Mercury nunca escondeu sua homossexualidade. Sempre colocando sua música e sua banda, o Queen, à frente, ele até hoje é reverenciado pelos fãs e por outros músicas por sua brilhante carreira.

Além da voz potente, ele também era um excelente compositor e foi autor de alguns dos maiores sucessos do Queen, como Bohemian Rhapsody (veja aqui) , “We Are the Champions” e “Love Of My Life.

Freddie Mercury era portador do vírus da Aids e faleceu em 1991.

Rob Halford

O vocalista da banda de metal Judas Priest, Rob Halford, é considerado o segundo melhor vocalista de heavy metal de todos os tempos, segundo a revista Hit Parader. Desde que a banda foi criada, em 1969, e seu primeiro disco foi lançado, em 1974, o Judas Priest carrega uma legião de fãs.

Na década de 90, época em que esteve fora da banda, Halford assumiu sua homossexualidade, o que acabou gerando uma certa polêmica. No entanto, ele não viu sua carreira ser prejudicada pela revelação. Quando retornou para a banda, recebeu o apoio dos parceiros e dos fãs, numa demonstração de que sua sexualidade não faz a menor diferença no resultado de seu trabalho. Veja (aqui) Diamonds and Rust, música do terceiro disco do Judas Priest, Sin after Sin.

 

Fonte: www.jovempan.com.br
Dica de: Roberto Mercury





Deixe um comentário: