Música adorada por gays é tema de comercial de guaraná

Enviada por: Administrador
Data: 01/06/2009 12:49:26
Postado em: Queen News

Motivos a banda Queen tem de sobra para ter uma identificação total com os gays. Começa pelo nome que é quase a palavra “queer”, que quer dizer “bicha” em inglês, e explode com a trajetória do seu vocalista, Freddie Mercury, gay assumido e ícone da comunidade GLBT.

Por tudo isso, a música do Queen sempre se reflete nesse público e remete qualquer um ao seu vocalista e sua sexualidade. É o queestá acontecendo quando o novo comercial do guaraná “Kuat” vai ao ar tendo como trilha a música “I Want to Break Free.”

Pelo que se vê, o filme adotou um dos sentidos da tradução (eu quero me libertar) mostrando um rapaz surgindo de dentro do seu próprio boneco. Mas a frase “I Want to Break Free”, no sentido de gíria, também se entende por lá no tom de “eu quero me assumir.”

Escrita pelo baixista do Queen, John Deacon, “I Want to Break Free” é uma das faixas do décimo primeiro álbum da banda lançado em fevereiro de 1984.

Freddie Mercury chegou a ter uma fase heterossexual na primeira parte da vida em um relacionamento com uma mulher que durou seis anos, mas assumiu-se gay ao ficar famoso à frente do Queen.

Morto em 1991 por decorrência das complicações provocadas pela Aids, Mercury teve uma fase promíscua atribuída pelos amigos como a ocasião em que contraiu o HIV. Foi em Nova York, onde passou meses. Uma das festas que promovia durou semanas com cenas de orgias dignas de bacanais romanos.

Essas e outras informações fazem parte do documentário “A verdadeira história de Freddie Mercury”que conta com depoimentos da mãe e da irmã.

Por tudo isso, mesmo depois de morto, Freddie Mercury provocou uma identificação total entre ele e o público gay, como também com a banda e todo seu repertório. A música do Queen virou trilha sonora gay, mas com direito à ilustrar comerciais, mesmo que, com ela,a publicidade ganhe um tom GLS.

Para ver o video: CLIQUE AQUI

Fonte: /www.athosgls.com.br




11 comentários:

  1. A bissexualidade era apenas parte do Freddie. Pena que muitos reduzem ele só a isso…Essa música tem uma letra tão linda, fala de libertação, de liberdade, de expansão de horizontes mas infelizmente entrou para o imaginário popular como um hino gay…isso é reducionismo aos extremos.

  2. patrimar em 07/06/2009 às 20:39
  3. Resumindo: Eu odeio estereótipos!Basta dessa besteira!União, por favor!

  4. manu92 em 04/06/2009 às 17:55
  5. A minha interpretação da música é que o personagem se apaixonou por outra mulher (ou homem, tanto faz) e quer se libertar de seu romance anterior. Talvez seja a mãe do protagonista, mas eu acho difícil.No fundo, depende da interpretação da pessoa. E todos nós sabemos que essa música só se tornou “gay” por causa da idéia do Roger (não do Freddie) de eles se vestirem de mulheres.

  6. DarthNaner em 03/06/2009 às 14:37
  7. Humm…será q os clientes da Claro sao gays tbem….pq eles lançaram um comercial com a musica do Queen(A Kind Of Magic)….não sou homossexual e amo o Queen de todo coração…nada a ver essa comparação,mania de comparar opção sexual com o resto!!!!

  8. dri2009 em 03/06/2009 às 12:20
  9. Confesso que meu queixo caiu diante de tanta ignorância!!!Vi a propaganda e ela, em momento nenhum, faz referência ao gays. Além disso, apesar de nunca ter frequentado boates gays, nunca ouvi dizer que o Queen é ADORADO por eles (vai forçar a barra assim lá longe). E, pra finalizar, o Freddie ficaria muito aborrecido com essas comparações, como muitas vezes ficou!!! De onde saiu essa pérola de artigo, hein?!

  10. monicatravassos em 03/06/2009 às 6:09
  11. Infelizmente existem MUITOS RETARDADOS no mundo que falam umas BABAQUICES dessas. Quando eu vi o comercial, nem passou pela minha cabeça alguma relação com homosexualismo, parecia só um cara que queria inovar na hora de tomar guaraná, NADA MAIS! Pobre Freddie, se ele ainda estivesse vivo até passava, só que, na situação dele, é impossível se defender. Ainda tiveram a coragem de dizer que a banda Queen é uma banda relacionada ao mundo gay, só porque o Freddie era, que ignorância. Um amigo disse que só falam mal das bandas boas e é a mais pura verdade, ninguém pega no pé dos Jonas Brothers, ou do RBD, que mereciam ser chamados de aberrações. Hoje em dia não é necessário para uma banda fazer sucesso o requesito “Músicas suportáveis”, e as que fazem são apedrejadas, vê se pode.

  12. Alexandra em 01/06/2009 às 17:17
  13. ….olha pessoal quando li essa matéria, incrível, também me veio na cabeça essa entrevista da Glória Maria em 1985 “Rock In Rio I”, quando ela pergunta ao Freddie o seguinte:P. Glória Maria:_ Freddie é verdade que a música I WANT TO BREAK FREE, é dedicada para o mundo gay?R. Freddie: _ Não, de forma alguma. Aquela música foi escrita por John Deacon, sabe?..e ele é um homem casado e muito feliz, com umas 4 crianças, eu não sei de onde vc recebeu essa mensagem. Não tem nada a ver com as pessoas gays, é basicamente sobre todo o mundo, alguém que tem uma vida bem dura e quer se libertar de qualquer problema que tenha, nada a ver com a causa gay, além disso não é a minha música, John a escreveu. ..bem, depois disso…sem comentários…e o pior, nada a ver a propaganda em relação a causa gay….mais uma vez, sem comentários…..

  14. LuLoveMercury em 01/06/2009 às 16:47
  15. ai mesmo fala, foi John que criou a musica, nem foi Freddie. e dai que Freddie era gay? Metade dos cantor de rock da epoca era gay.O povo so pega banda BOA pra fazer criticas..

  16. queenpaulo em 01/06/2009 às 14:40
  17. Essa matéria só podia ter origem num site gls mesmo. Parecem que estão querendo se promover em cima dessa música, que foi e ainda é um sucesso.O proprío Freddie Mercury declarou para Glória Maria numa entrevista na época do rock in rio que a música fala de uma pessoa que quer se livrar dos problemas… Não tem nada de gay, mas o fato deles se vestirem de mulher no video clip gera muita confusão……..

  18. R0GERI0 em 01/06/2009 às 11:46
  19. Só uma opinião a dizer:Nada a ver esse site publicar isto.Mania que esse povo tem de associar essa música ao mundo gay.Eu já tinha visto essa propaganda e não achei nada relacionado ao homossexualismo, esse povo viaja.O pior da notícia foi “Por tudo isso, mesmo depois de morto, Freddie Mercury provocou uma identificação total entre ele e o público gay, como também com a banda e todo seu repertório. A música do Queen virou trilha sonora gay, mas com direito à ilustrar comerciais, mesmo que, com ela,a publicidade ganhe um tom GLS.” Afffff

  20. epollice em 01/06/2009 às 10:35
  21. O QUEEN É A MAELHOR BANDA DE TDS OS TEMPOS.e nao é pqe Freddie era gay,qe tdos eram,o nome de bandas é definido pra ficar bom(marketing) Queen sign rainha mais e daí? eles fazim um som ótimo,vc pode ver isso em WWRY,WATC,IWBR!:@unf.,e eu odiei o comercial!u.ú

  22. A_bijou em 01/06/2009 às 10:09

Deixe um comentário: